<$BlogRSDUrl$>

segunda-feira, setembro 15, 2003


// posted by SuperPã @ 19:58

Mais um Revés! 




Quem seguir atentamente os noticiários não pode deixar de reparar que nos ùltimos tempos a União Europeia parece concentrada na acumulação de derrotas. Ontem, para variar, foi vítima de mais uma com a vitória do "não" no referendo para a adesão ao Euro na Suécia, que só não se tornou um escândalo para as instituições comunitárias em virtude do "sim" dado pelos Lituanos à adesão do seu minipaís à UE. No decorrer de 2003 tornou-se claro que a Europa não deixa de ser ainda um sonho, um mero vislumbre daquilo que pensa ser. Este facto ficou mais que confirmado aquando a grande crise do pré-guerra no Iraque, em que em lugar de falar a uma só voz, a Europa partiu-se em vários blocos profundamente divididos, cada um pensando no seu interesse e nunca nos interesses da comunidade.
Outra derrota, que para os menos atentos possa parecer insignificante, é o facto de até hoje não ter sido possível criar um tratado que reja as instituições europeias de forma eficaz após o alargamente. Parece que a sede de poder das maiores nações e o receio de ficar sem voz dos estados periféricos, como o nosso, vai impossiblitar um tratado justo; e alguém ficará sempre a perder.

E não será este o início do fim da comunidade?? Uma comunidade que com a adesão dos novos estados se tornará ingovernável e cujo povo não lhe tem a confiança devida??

Não gostaria de ser tão radical e dizer que sim, mas estou certo de uma coisa: os Suecos ontem não deram o seu voto de confiança à Europa, preferindo manter o controlo sobre a sua economia e não ficar dependentes, como nós, de um défice de X ou Y para cumprir um pacto de estabilidade que ninguém percebeu ainda ao certo para que serve.
As instituições, em particular a Comissão Europeia, deve repensar a sua política e a forma como exerce os seus poderes soberanos sobre os estados membros. Será que é mesmo este o caminho que os Europeus querem seguir?? Talvez seja este mesmo, mas temos de estar atentos a este facto: a confiança por parte das populações não é grande e se queremos que este projecto tenha sucesso, teremos de esquecer as divisões e pensar mais na União.




Links to this post:

<\$BlogItemBacklinkCreate\$>


Comments: Enviar um comentário

This page is powered by Blogger. Isn't yours?



Listed on BlogShares
Technorati Profile